terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Diretor de 'This Is It' vai depor no julgamento do médico de MJ

O diretor e produtor do filme This is It, Kenny Ortega, será uma das testemunhas do processo preliminar que julgará o médico do astro Michael Jackson, Conrad Murray, informou o site TMZ nesta terça-feira (4).

Em contrapartida, o filho mais velho do cantor, Prince Michael, não irá depor. O Ministério Público irá chamar 30 testemunhas durante duas semanas de julgamento preliminar. A maioria delas serão médicos dando suas visões sobre o procedimento de Murray.

Mas entre as estrelas que irão dar seu testemunho, destaca-se Ortega. De acordo com a publicação, ele irá depor que no dia 19 de junho de 2009 - uma semana antes da morte de Michael Jackson - o cantor tinha reclamado de febre e tremedeiras, e, por isso, tinha cancelado o ensaio.

No dia seguinte, foi feita uma reunião de emergência na casa de Michael e o dr. Conrad estava presente. Fontes disseram ao TMZ que a reunião virou uma discussão intensa. Ortega irá contar que o médico disse coisas terríveis demonstrando total falta de respeito ao cantor.

O produtor também deve dizer no tribunal que, quando os ensaios foram retomados, nos dias 23 e 24 de junho, um dia antes da morte do rei do pop, Michael deu a volta por cima e atraiu a todos cantando e dançando como sempre.

O depoimento de Ortega é muito importante, porque o Ministério Público argumenta que Michael estava bem antes da interferência de Murray.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva