quarta-feira, 30 de novembro de 2011

"Espero que ele seja assombrado pelo que fez", diz irmão sobre Conrad Murray



Jermaine Jackson fez um longo desabafo ao "The Sun" desta quarta-feira (30) sobre a condenação de Conrad Murray, considerado culpado na morte de seu irmão, Michael Jackson.

O irmão do cantor disse que não comemorou a sentença de 4 anos dada ao médico pois acha que ele merecia uma pena mais severa que esta. "A justiça deveria ter condenado o Dr. Conrad Murray por assassinado de segundo grau e deixá-lo preso por décadas. deveria passar a vida preso por conta das vidas que foram perdidas pelas suas escolhas irresponsáveis [...] foi por isso que ontem eu senti que deveria encolher os ombros no tribunal, e não dar socos no ar", falou.

Jermaine afirmou que uma das coisas que mais o impressionou foi o juíz ter dito que Michael morreria com ou sem o envolvimento de Murray pois ele era viciado em Demerol e fazia uso da medicação sem a presença do médico.

"Essa mentira, de que o Michael Jackson de alguma forma se auto medicou ou contribuiu para a sua própria morte, foi para a prisão junto com todas as outras mentiras do Dr. Murray. Eu só espero que, para cada longo dia que ele passar na prisão, ele seja assombrado pelo que ele fez da mesma forma que nós fomos assombrados pelo que ele não fez - manter o Michael Jackson vivo e saudável", disse.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva