sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Murray pode ter de pagar US$ 100 mi aos filhos de Michael

O julgamento do médico Conrad Murray pela morte de Michael Jackson, em Los Angeles, em 01/11/2011

Não bastasse ter sido condenado por homicídio culposo no processo que averigou a morte de Michael Jackson, o médico Conrad Murray pode arcar com uma indenização de 100 milhões de dólares para os três filhos do cantor. Pelo menos é o que pede a promotoria do caso ao juiz Michael Pastor, em um novo requerimento.

Os promotores alegam que os filhos do cantor têm direito a salários e lucros cessantes devido à morte do pai. Murray teria de cobrir ainda as despesas com o funeral de Michael, morto em 2009, vítima de excesso de medicamentos analgésicos. Há uma razão para a possível indenização ter sido fixada em 100 milhões de dólares: é quanto se estimava o lucro da turnê This is It, para a qual o cantor ensaiava exaustivamente nos meses que antecederam sua morte - e que incluia até 50 shows seguidos, em Londres, na Inglaterra.

Enquanto o assunto não vai a julgamento, Murray aguarda a leitura da sentença de condenação, que acontecerá no próximo dia 29. Ele pode pegar até quatro anos de prisão e perder a licença médica. A decisão dos sete homens e cinco mulheres do júri foi unânime e saiu cerca de cinco horas após o início do segundo dia de deliberações.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva