sexta-feira, 1 de junho de 2012

Empresário oferece US$ 17 mi pela casa onde Michael Jackson morreu

A casa de Holmby Hills havia sido alugada pelo rei do pop. Foto: Getty Images

Um empresário de Los Angeles fez uma oferta por escrito de cerca de US$ 17 milhões pela casa onde Michael Jackson morreu, em Holmby Hills. No entanto, a casa está no mercado por US$ 23,9 milhões.

Fontes imobiliárias disseram ao TMZ que o vendedor - que está tentando vender a casa há três anos - e o comprador estão em processo de negociação para tentar chegar a um acordo razoável.

Fontes dizem que o empresário que fez a oferta "não se importa muito" com o fato de Michael ter morado lá antes de falecer em junho de 2009, após uma overdose de medicamentos.

De acordo com as informações, o proprietário tem enfrentado problemas em vender a casa por causa da sua popularidade entre os turistas ávidos para ver a propriedade famosa.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva