quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Mãe de Michael Jackson critica perda de guarda dos filhos do cantor

Katherine Jackson falou sobre o caso em entrevista à rede de TV ABC. Foto: AP

A mãe do cantor Michael Jackson, Katherine Jackson, afirmou que a decisão da Justiça americana de dar a guarda temporária dos filhos do rei do pop, até então sob seus cuidados, para seu neto Tito Jackson Jr. foi baseada em "um monte de mentiras". 

A declaração foi dada durante entrevista à rede de televisão americana ABC. 

Katherine tem a guarda dos três filhos do cantor Paris, de 14 anos, Prince Michael, de 15 anos e Prince Michael 2º (também conhecido como Blanket), de 10 anos, desde a morte de Michael Jackson, em junho de 2009. Durante o último fim de semana, Katherine, de 82 anos, foi dada como desaparecida. Na terça-feira, Paris escreveu no Twitter que não via a avó "há nove dias". 

Katherine, entretanto, estava no Estado americano do Arizona, na casa de parentes. 

Na quarta-feira, a Justiça deu a guarda temporária dos filhos de Michael para Tito Jackson Jr, filho de Tito Jackson, também conhecido como TJ. 

O juiz Mitchell Beckloff tomou a decisão depois do episódio da ausência de Katherine e a falta de contato da mãe de Michael com os três netos. "A decisão da Justiça (...) foi baseada em um monte de mentiras", afirmou Katherine à ABC. "Mas eu tenho uma ideia de quem está fazendo isto, quem está por trás disto.", acrescentou. "Eu falei com meu neto TJ e também falei com Prince e Paris ontem à noite (quarta-feira) e prometi que estaria em casa hoje (quinta-feira). Eles estão esperando a minha volta". 

Na declaração dada à ABC, ela desmentiu os rumores que surgiram nos últimos dias de que teria sido sequestrada. "Havia boatos circulando a meu respeito, de que eu tinha sido sequestrada e mantida (presa) contra minha vontade. Estou aqui hoje para dizer a todos que estou bem", disse Katherine. 

"Estou aqui com meus filhos e meus filhos jamais fariam algo assim comigo, me manter (presa) contra a minha vontade. É muita estupidez que as pessoas pensem isto". 

"Estou desolada com o fato de que, enquanto estive fora, meus filhos - meus netos - foram tirados de mim, e estou voltando para casa para ver isto", afirmou.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva