terça-feira, 4 de setembro de 2012

Vazam emails da produção de Michael Jackson revelando o estado do cantor antes da morte


Para parte da produção executiva que acompanhava a montagem de sua nova turnê em 2009, Michael Jackson (1958-2009) já era um "caso perdido" movido a álcool no período que antecedeu sua morte. Segundo emails trocados por pessoas próximas ao cantor, divulgados pela imprensa internacional, ele já não estava mais ensaiando e precisava urgentemente de tratamento psquiatrico. E as providências já estavam inclusive sendo tomadas. 

Com um histórico de abuso de remédios e álcool, e suspeitas de uso de drogas, o rei do pop sempre foi encarado como um problema a ser tratado com calma. Mas segundo as conversas eletrônicas de sua staff, divulgadas este final de semana, a situação estava mais grave do que nunca. 

Semanas antes de Michale Jackson estreiar o show This Is It em Londres, o diretor Kenny Ortega, um dos chefões por trás da produção, entrou em contato com seus colegas de equipe na produtora AEG (que estava organizando a turnê do astro) para solicitar a ajuda de um psiquiatra a fim de tratar o cantor e, se possível, prepará-lo para os palcos. 

"Michael Jackson não está bem o suficiente para cantar e dançar no show como previsto", escreveu em um dos emails. Outro produtor escreveu na mesma época, em mais uma coisa por email com outros parceiros de trabalho: "Ele era um caso perdido". Em algumas das mensagens, a equipe apontava o comportamento de Michael como um "problema real" e o consumo abusivo de álcool, um dos fatores determinantes. 

A produtora AEG enfrenta atualmente uma luta legal contra a seguradora Lloyds que ainda deve decidir se cobre ou não o furo de 15 milhões de dólares pelo fracasso da turnê ocasionado pela morte do cantor em junho de 2009. Quem sabe as informações reveladas este final de semana ajudam a finalizar o caso milinário.



Meus Deus, mesmo depois 3 anos esta maldita perseguição não para... 
até quandooo.
Deixem o Michel em PAAAAAAAAAAAZ ;@

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva