quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Família de Michael Jackson diz que Murray vai "matar novamente"

Conrad Murray foi solto esta semana Foto: Getty Images

Conrad Murray, médico condenado a quatro anos de prisão pela morte de Michael Jackson, foi solto na última semana, após cumprir metade da pena. A família do rei do pop está preocupada com a possibilidade dele conseguir reaver a licença para voltar a trabalhar.

De acordo com o TMZ, a família de Michael está se sentindo ofendida por Murray ter entrado com um pedido para ter direito de exercer a medicina, porque afirma que ele vai "matar alguém novamente".

Durante os 20 anos que Conrad Murray tem como médico, seu único caso que deu errado foi justamente o de Michael Jackson, que morreu no dia 25 de junho de 2009.

O médico foi condenado por homicídio culposo por administrar uma dose letal do anestésico propofol no cantor.

O Que Passou Por Aqui !

Saraiva